Wednesday, August 24, 2011

Deco – eco – house



O conceito é simples: aliar design à sustentabilidade. 

Confesse, você já imaginou cestinhos de garrafa PET, calças transformadas em bolsas tira-colo e por aí vai, certo? Pois então se liga nessas idéias aqui: 



Simples, bonito e muito útil. Em geral esses materiais são aproveitados ao máximo, até que se quebrem ou não tenham mais as dimensões necessárias para carregar diferentes tipos de produtos. Vale a pena, caso você tenha acesso a esse tipo de material, desenvolver um projeto bacana com ele. Em ambientes clean, ele dá um ar rústico interessante e pode ganhar uma cara nova com uma boa demão de tinta e algumas colagens. 

Outro processo superlegal que pude acompanhar de perto é esse aqui: 



Os bancos, apoios de pé e cercados são feitos com uma tábua desenvolvida pela Universidade Feevale, aqui de Novo Hamburgo. Pra vocês terem uma ideia, são necessárias cerca de 10 mil sacolas plásticas pra produzir um banco desses. Para uma floreira, 8 mil. O material é aquecido e depois moldado em chapas retangulares como se fossem tábuas. Além de super resistente e relativamente leve, pode ser pintado. Não é o máximo? 



Procurar maneiras de desenvolver ações ecoconscientes não é um bicho de sete cabeças. Basta tempo e criatividade. Ah, pra quem curte arte, aqui tem um post superbacana que fala de como processos de reciclagem rendem trabalhos incríveis que movimentam cerca de 12 mil dólares por peça! 


Para ver mais dicas de como usar paletes na decoração, clica aqui. 

SIGA-NOS @FASHION_INSIGHTBR