Monday, March 18, 2013

Fórum de Inspirações inverno 2014







Palestra ministrada por Walter Rodrigues abordou as tendências para a temporada 


O estilista e Coordenador do Núcleo de Pesquisa da Assintecal, Walter Rodrigues, apresentou no último dia 14 de março, as tendências que direcionarão as criações no inverno 2014 durante a Fimec. Foram trabalhados três conceitos que se desmembraram sob a ótica do Luar. 

A influência que o astro tem na vida das pessoas é inegável: em alguns povos a data do nascimento é definida pela fase da lua, empresas só fecham negócio na lua cheia, pessoas não cortam cabelo na lua minguante, além da influência que ela exerce sobre as marés. Para o time de pesquisadores da Assintecal, esse é o momento de utilizar as emoções como um diferencial competitivo: “as empresas apostam alto no aspecto comercial de seus produtos que esquecem-se de despertar sensações em seus clientes”, afirma Walter Rodrigues. 

Do misticismo à corrida espacial, passando pelo romantismo, confira as análises apresentadas: 



-Conceito 3: 10% 

O primeiro conceito busca nos aspectos mais primitivos sua essência. Das histórias épicas em contos de heróis, Walter fala da série Game of Thrones, remetendo á rusticidade dos figurinos que são aplicadas à moda. Aqui são trabalhadas as ideias de proteção e artesanal. O luxo se mistura como primitivo, ressaltando aspectos brutos trabalhados com alta tecnologia. 

O toque é supervalorizado, dando destaque a texturas, tramados, bordados e malhas de metal. As roupas apresentam certa rigidez (fazendo alusão a armaduras da idade média e a carapaças de animais) trazendo brilho e superfícies aveludadas. 

Destaque para: sobreposições, acolchoados, efeitos queimados, estampas de lava, brilhos fortes porém “sujos”, ouro envelhecido, ródio velho, tramados, trissês, uso de peles (falsas), veludo, cetim e couro. 





-Conceito 2: 30% 

Para a segunda tendência, Walter explora as superfícies lunares, recorrendo à Corrida Espacial para extrair elementos criativos. Nesta análise, surge o futurismo dos anos 60, que influencia o estilo e o lifestyle das pessoas. O retrofuturismo de Courrèges e Paco Rabanne dá o tom da temporada. 

Materiais tecnológicos como o vinil, o speccio são amplamente utilizados nesta tendência. Formas geométricas conferem pureza às construções que se apoiam em cortes precisos e perfeitos para construir roupas e móveis. Predominância de silhuetas circulares. 

Destaque para: estampas de Raio X, materiais refletivos, espirais, estruturas celulares, aspectos plásticos e vinílicos, leveza dos materiais. Nos tons: muito branco, cinza e pequenas incursões pelas cores. 





-Conceito 1: 60% 

Aqui, fala-se de uma tendência já consolidada, que agrega novas propostas para se renovar sem perder sua essência. Para Walter, o romantismo é esta base mais sólida. A ideia do romance, do arco-íris, da paixão, das fadas e das festas ao ar livre está muito presente neste conceito. 

O sonho, a delicadeza, as estrelas e, por consequência as galáxias dão a cara das propostas para o conceito 1. Da aurora boreal surge a psicodelia e os efeitos vibrantes nas composições da estação. Aspectos sedosos com leves mudanças de tom, bem como os florais em fundo vivo remetem a um lifestyle despojado, simples e leve. 

Destaque para: efeitos iridescentes, tons de rosa, lilás (remetendo aos contos de fada), inspiração no boho, padronagens leves de flores, tye dye, mistura de estampas, sobreposição de imagens, estruturas de tricô, estilo quase kitsh.



Fotos: reprodução




SIGA-NOS @FASHION_INSIGHTBR