Tuesday, August 25, 2015

RED | Inspire-se



Nos estudos relacionados às teorias da psicologia e aos arquétipos perceptuais, a cor é vista com uma linguagem própria. Entender a percepção humana em relação à cor passa, obrigatoriamente, pela compreensão do simbólico, o que faz com que ela seja mais do que um mecanismo fisiológico e um fenômeno físico.

No estudo do simbolismo das cores, a origem de sua compreensão é importante para se entender os aspectos culturais e psicológicos, que resultam na abordagem do assunto nos dias atuais.

Desde a antiguidade, seja no Oriente ou no Ocidente, as cores são colocadas como símbolos divinos e surgem como parte de três línguas distintas: a divina, a sagrada e a profana.
















O vermelho é uma cor estimulante e excitante, possui associação positiva para a paixão, força, atividade e aconchego e uma negativa para agressividade, raiva, intensidade e sangue. A sua agressividade masculina é sempre ligada ao combate, dominação e rebelião. 

Também significa vida, provavelmente devido a ligação com o sangue. É a cor do amor. Na antiga mitologia grega, as roupas vermelhas significavam o sacrifício e o amor. O mais puro vermelho pode ser facilmente ativo ou passivo, devido ao seu estado central entre o amarelo e o azul. 










Segundo Goethe, a emoção que esta cor transmite, é ao mesmo tempo, de gravidade e dignidade, graça e atração, assim como amor, força e atividade, irradiando calor.










Fontes: http://acorsimplificada.com.br/ / http://www.significados.com.br/ 

SIGA-NOS @FASHION_INSIGHTBR